O treinador Vasco Seabra e três futebolistas do Boavista recuperaram da infeção pelo novo coronavírus, responsável pela pandemia de covid-19, e regressaram aos treinos, confirmou hoje à agência Lusa fonte do clube da I Liga.

Os casos de infeção foram relevados em 11 de novembro, incluindo atletas, membros da equipa técnica e outros elementos do ‘staff’, num total de sete pessoas, que estiveram isoladas e já foram consideradas aptas pela Direção-Geral da Saúde (DGS).

Além do técnico Vasco Seabra, Rafael Bracali, Jesús Gómez e Nuno Santos também recuperaram da covid-19, tal como Ricardo Mangas e Miguel Reisinho, ambos ausentes da derrota frente ao Farense (3-1), em 08 de novembro, da sétima jornada da I Liga.

O defesa e o médio voltaram aos treinos do Boavista na quarta-feira, a par de Reggie Cannon, que representou a seleção dos Estados Unidos, tendo o nigeriano Chidozie e o angolano Show regressado hoje dos respetivos compromissos internacionais.

Ultrapassados nove casos de infeção e as lesões de Adil Rami e Jorge Benguché, os ‘axadrezados’ lidam apenas com a ausência de Alberth Elis, que testou positivo para o novo coronavírus há uma semana e abandonou o estágio da seleção das Honduras.

O avançado cumpre isolamento no seu país e é a única baixa nas opções de Vasco Seabra para a visita ao Vizela, da II Liga, no domingo, às 20:00, no Estádio do FC Vizela, no distrito de Braga, em encontro da terceira eliminatória da Taça de Portugal.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,3 milhões de mortos no mundo desde dezembro do ano passado, incluindo 3.762 em Portugal.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.