O Desportivo das Aves condenou hoje, em comunicado, os incidentes ocorridos, no domingo, no final do jogo com o Paços de Ferreira, da I Liga de futebol, em que três adeptos foram detidos.

Após anunciar que vai "tomar as diligências com a Guarda Nacional Republicana (GNR) para que tais atos não se voltem a repetir", o clube avense "coloca-se ao lado dos seus adeptos", conforme pode ler-se nos respetivo comunicado.

Assim sendo, e depois de considerar os incidentes "exagerados", o Desportivo das Aves "ajudará os adeptos em causa, os quais já contactaram o clube, até às últimas consequências, disponibilizando o departamento jurídico para qualquer eventualidade".

No passado domingo, a equipa de Lito Vidigal perdeu por 2-0 em casa frente ao Paços de Ferreira e, no final, os adeptos avenses protestaram, no entanto a GNR interveio rapidamente, resultando daí três detenções.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.