O defesa central brasileiro Diego Galo, anunciado como reforço do Tondela para as próximas duas épocas, não integrará o plantel que regressa aos trabalhos esta sexta-feira, anunciou hoje o clube da I Liga de futebol.

O clube acusou o jogador de faltar à palavra dada e "à confiança que granjeou, no passado", altura em que o defesa brasileiro representou os tondelenses entre 2008 e 2011.

Este desenlace obriga o Tondela a procurar alternativas de forma mais vincada para o eixo da defesa, contando apenas com o defesa central português João Pica na véspera da realização dos testes médicos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.