Diogo Dalot fez a sua estreia principal pelo FC Porto frente ao Lusitano de Évora e a exibição levou a um cada vez maior interesse dos maiores tubarões europeus do futebol.

Segundo avança o jornal O Jogo, o Barcelona e o Real Madrid já levaram uma ‘nega’ por parte do clube portista, que fizeram perceber que o lateral não está à venda e quem o quiser terá de pagar a cláusula de rescisão do jogador, que está avaliada em 20 milhões de euros.

Ainda assim, os dois grandes clubes espanhóis continuam a observar o jovem lateral, mas não parecem ser os únicos a manter este interesse no jogador.

Segundo avança a Sky Sport Italia, também Nápoles e Juventus têm prestado atenção às exibições do jovem jogador e poderão avançar com uma proposta concreta para garantir a sua contratação.

Devido ao elevado mercado que tem o jogador, o FC Porto pensa em agir, renovando o contrato do jogador e aumentando a cláusula de rescisão do talento português, que é baixa para os valores praticados hoje em dia.

Recorde-se que o atual vínculo de Diogo Dalot termina em 2019.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.