"Vamos tentar manter a mesma atitude e fazer com que a equipa continue a crescer, sabendo que se ganharmos continuamos em primeiro. Trabalhámos durante a semana sabendo que é possível ganhar em Alvalade", disse hoje Domingos Paciência na antevisão da partida de sábado.

Instado a lembrar as recordações dos jogos com o Sporting, em Alvalade, o treinador da equipa bracarense reconheceu que "enquanto jogador são muito boas".

"Vivi momentos que ficaram na história do futebol. Como treinador não correu bem, nem mal, empatei na época passada. Mas eu procuro sempre a vitória e é com essa máxima que lá vou, tentar fazer um grande jogo e ganhar", explicou.

O técnico disse ainda que, por causa da "qualidade" exibida terça-feira, ante a Fiorentina, em jogo a contar para a Liga dos Campeões, "o Sporting está mais confiante que há uma semana", o que não significa que a ambição dos bracarenses seja menor: "De maneira nenhuma, não há jogos iguais", notou.

Sobre se o adversário está num patamar inferior em relação aos outros dois "grandes", FC Porto e Benfica, conforme opinião de muitos analistas, Domingos considera que são "sempre as mesmas equipas" as candidatas ao título e que "este ano não vai ser muito diferente do habitual".

"Se neste início de época, em termos de qualidade de jogo, o Sporting pode não estar ao nível dos outros 'grandes', isto não é como começa, mas como acaba", lembrou.

Quanto à sua equipa, líder isolada do campeonato após a primeira jornada, comentou que tem trabalhado "para atingir a perfeição, mas há processos que demoram o seu tempo a serem assimilados".

Quanto a eventuais reforços, o treinador voltou a dizer que o plantel está aberto até 31 de Agosto para entradas e saídas e que estão a ser procuradas soluções "para que o plantel possa ser mais equilibrado".

Questionado sobre a possibilidade do ponta-de-lança do FC Porto Adriano ingressar no clube minhoto respondeu: "Adriano tem um passado bem positivo no futebol português e características de um bom avançado, mas pode ser ele como outro, sendo que a prioridade é [contratar] um avançado".

Em relação à polémica da semana com o presidente António Salvador a culpar o ex-técnico dos "arsenalistas", Jorge Jesus, por uma má preparação da pré-temporada e o actual treinador do Benfica a refutar responsabilidades, Domingos Paciência recusou "voltar a mexer no passado".

O jogo tem início às 21:15 de sábado, no Estádio José de Alvalade, em Lisboa, e será arbitrado por Olegário Benquerença, de Leiria.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.