O treinador do Sporting de Braga admitiu que nunca pensou golear a Académica, na 14.ª jornada da Liga de futebol, mas destacou a eficácia atacante da equipa, enquanto Jorge Costa lamentou as “ofertas” dos seus jogadores.

“Antes de começar era impensável que o jogo levasse este rumo contra uma grande equipa, que tem feito um grande campeonato, mas a partir do primeiro golo e da eficácia que mostrámos na primeira parte, o jogo passou a ser outro”, assumiu após a gorda vitória por 5-0, na 14ª jornada da Liga de futebol.

Domingos Paciência considera o “resultado justo, mas hoje a eficácia foi muito grande”, disse.

Depois de três derrotas consecutivas, o triunfo de hoje “dá ânimo e traz confiança”, tendo o técnico destacado ainda que o Sporting de Braga é a segunda equipa mais concretizadora do campeonato.

Elogiou a prestação dos jogadores menos utilizados e considerou que a pausa natalícia é boa para recuperar as lesões, descansar e, no regresso, “voltar a atacar o campeonato e a Liga Europa de uma forma muito mais ambiciosa”.

Sobre o sorteio da Liga Europa, que colocou no caminho do Braga os polacos do Lech Poznan, considerou que, “contrariamente ao que alguns consideraram”, uma equipa que, inserida num grupo com Manchester City e Juventus elimina a equipa italiana, “não se pode pensar que é fácil”.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.