O dirigente reagiu desta forma à pergunta sobre se o Marítimo estaria no mercado à procura de um avançado para substituir o brasileiro, que no defeso foi adquirido pelo FC Porto aos brasileiros do Atlético de Minas Gerais.

“Há avançados na equipa, o que temos é menos um (Kléber) que nos querem roubar. Se isso acontecer, iremos colmatar essa saída e o Edinho (Málaga) é um dos elementos que pode se equacionado, entre outros”, adiantou Carlos Pereira.

“Acho que até poderemos equacionar o próprio Kléber, porque tem contrato com o Marítimo e o clube não abdica dos seus activos, a não ser que haja um entendimento do pagamento efectivo daquilo que ficou contratualmente estabelecido. Ainda faltam alguns dias até ao dia 31 de Agosto, data para o fecho das inscrições. Até lá tudo será possível”, afirmou a concluir.

Kléber foi emprestado pelo Atlético Mineiro ao Marítimo, mas o clube insular acusa o FC Porto de aliciar o jogador brasileiro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.