Fábio Martins, atacante do Famalicão, reagiu via Twitter aos comentários e acusações de que Nuno Santos, jogador do Rio Ave, foi alvo nas redes sociais depois de ter sido expulso frente ao Benfica, clube no qual foi formado.

Sem se referir diretamente ao tema e ao Rio Ave-Benfica, Fábio Martins apontou o dedo ao tipo de comentários que os futebolistas são alvo no nosso país, fruto da 'clubite' exacerbada de alguns adeptos, e disse mesmo ser essa a causa de tantos rumarem a outras paragens.

"A maior doença em Portugal não é a Covid-19, chama-se clubite aguda e o pior é que esta, não tem, nem nunca terá uma cura. Não há comentários para o que um jogador de futebol tem de aturar. E por isso é que os que podem, saem daqui o mais rápido que conseguem. E bem!", escreveu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.