No último verão, Fatawu foi emprestado pelo Sporting ao Leicester, da segunda divisão inglesa, onde acabou por conquistar o seu espaço. O internacional ganês assume agora que as coisas não lhe correram bem no plantel leonino por vários motivos.

"Não é uma questão de não ter dado certo, é apenas o que o treinador quer e como faz o planeamento da equipa. O Sporting é uma equipa fantástica, não vou mentir, mas é tudo sobre o treinador, como ele quer colocar a equipa a jogar e o papel que ele quer que o jogador desempenhe. Por enquanto, é assim que ele quer. Tenho de ouvir e apenas concentrar-me em tentar melhorar", disse à revista sul-africana Soccer Laduma.

O jogador revela que foi desde cedo informado de que o seu nome não constava na estratégia do Sporting para 2023/24. "Não encaixava nos planos do treinador. Ele quis que eu fosse para um sítio onde tivesse minutos e onde pudesse evoluir", explicou.

Em caso de subida à Premier League, o Leicester está obrigado a acionar a cláusula de compra de 17 milhões de euros, prevista no contrato de empréstimo de Fatawu.

"Gostaria de permanecer no Leicester porque conheço a equipa e acredito que vamos subir", sublinhou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.