O FC Porto Futebol SAD, emitiu um comunicado ao final da tarde onde desmente uma alegada ordem de paragem, por parte de um agente da autoridade, "É rigorosamente falso que qualquer agente da autoridade tenha, em algum momento, sido detectado a dar ordem de paragem de local visível para os ocupantes do veículo" lê-se no comunicado.

A SAD do FC Porto "lamenta esta situação, mas reforça que em momento algum os ocupantes do veículo se aperceberam da ocorrência mediatizada", lê-se no comunicado.

Em relação ao alegado "toque", dado na viatura para que parasse, o FC Porto SAD  afirma que nenhum dos ocupantes se apercebeu do sucedido,  "É rigorosamente falso que qualquer um dos ocupantes da viatura se tenha apercebido que o referido «toque», normal nestes aglomerados recorrentes à saída de tribunais, tivesse provocado qualquer dano material ou físico".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.