A saída de Vitinha do FC Porto para reforçar os franceses do Paris Saint-Germain já é dada como certa na generalidade da imprensa desportiva nacional, com os campeões franceses a aceitarem pagar a cláusula de rescisão do jovem médio, no valor de 40 milhões de euros.

De acordo com a edição desta terça-feira do jornal Record, o PSG quer fazer um pagamento em várias parcelas, de forma a aliviar a folha de despesas, mas o FC Porto não aceita esta forma de pagamento. Os dragões querem o valor total de uma só vez.

Vitinha irá assinar um contrato de cinco épocas com o PSG nos próximos dias. O negócio está a cargo de Jorge Mendes, empresário que terá convencido o PSG a pagar o valor da cláusula do jovem médio de 22 anos.

Nos campeões franceses, Vitinha irá encontrar os portugueses Danilo e Nuno Mendes, com quem joga na Seleção de Portugal.

Vitinha foi peça fundamental na dobradinha do FC Porto em 2021/22. O jovem médio de 22 anos fez 47 jogos, marcou quatro golos e fez quatro assistências. Números que o levaram à Seleção principal de Portugal.

Depois de Fábio Vieira, que irá reforçar o Arsenal por 35 milhões de euros, mais 5 ME por objetivos, o FC Porto prepara-se para perder mais uma joia da formação.

Esta será a segunda aventura de Vitinha no estrangeiro, depois de uma passagem pelo Wolverhamton. O emblema inglês não exerceu a cláusula de compra, de 20 milhões de euros, e o jogador voltou ao FC Porto, para ser titular, brilhar e vencer a I Liga, a Taça de Portugal e ser chamado à Seleção principal de Portugal.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.