Com janeiro à porta e a reabertura da janela de transferências, a maior parte dos clubes pensa em reforços que lhe permitam atacar a segunda metade da temporada com outras armas. No FC Porto, contudo, a aposta parece passar, sobretudo, por renovar o vínculo com as principais pedras ofensivas do "xadrez" da turma de Sérgio Conceição.

Assim, os "azuis-e-brancos" preparam-se para oferecer, já no próximo mês, novos contratos a dois dos principais goleadores do clube, Tiquinho Soares e Moussa Marega, bem como ao principal municiador do ataque, Alex Telles.

A evidente importância que os três atletas tiveram no último ano nos 'Dragões' torna premente a sua manutenção no clube. O ponta-de-lança brasileiro leva dez golos esta temporada e totalizou 24 no ano civil que agora termina, enquanto o maliano participou em 45 jogos do FC Porto em 2019 e é visto pelo técnico como fundamental para a equipa.

Já Alex Telles tem sido, talvez, a principal figura da formação azul-e-branca esta temporada, dando seguimento às excelentes épocas que realizou desde que chegou ao clube, em 2016.

Em 2019/20 o lateral-esquerdo brasileiro já soma quatro golos e outras tantas assistências na I Liga portuguesa, tendo participado em 28% dos golos da equipa na prova até ao momento, e contabiliza ainda mais três assistências nas restantes provas. Na temporada passada chegou aos seis golos e às 13 assistências.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.