O Feirense venceu hoje o Rio Ave por 2-0, no jogo que marcou o regresso da equipa de Santa Maria da Feira ao seu estádio, a contar para a 11ª jornada da Liga portuguesa de futebol.

Um golo de Diogo Rosado, aos 22 minutos, na recarga a uma grande penalidade desperdiçada por Diogo Cunha, colocou o Feirense na frente do marcador e Hélder Castro fixou o resultado final, ainda na primeira parte, num remate colocado à entrada da área.

Apesar de o Rio Ave ter entrado mais forte na partida, com transições rápidas para o ataque, o Feirense acabou por ser a equipa mais eficaz na recuperação de bola a meio campo, equilibrando, por isso, o jogo.

Aos 22 minutos, a equipa da casa chegou à vantagem. Pedro Proença assinalou uma grande penalidade a punir mão na bola de Gaspar, após um remate de Diogo Cunha à entrada da área. Na conversão, o avançado do Feirense permitiu a defesa a Huanderson e Diogo Rosado, na segunda recarga, inaugurou o marcador.

O Rio Ave via os caminhos fechados para a baliza adversária e foi novamente o Feirense a marcar. Aos 28 minutos, depois de uma série de ressaltos à entrada da área do Rio Ave, a bola sobrou para Hélder Castro, que rematou colocado para o segundo golo.

A terminar a primeira parte, Sténio rematou forte na cobrança de um livre e, na recarga, Buval, completamente solto na pequena área, desperdiçou o terceiro golo do Feirense.

Na segunda parte, o jogo perdeu intensidade, mas o Rio Ave teve algum ascendente na fase inicial, dispondo de vários cantos consecutivos. Além disso, pouco fulgor teve para importunar o Feirense que, aos 76 minutos, ficou a reclamar grande penalidade num lance duvidoso, em que Buval caiu na área após corte de Jeferson.

Aos 78 minutos, o defesa central do Rio Ave Jeferson dispôs da melhor ocasião para a sua equipa, mas Paulo Lopes defendeu o seu cabeceamento.

O Feirense jogou os últimos dez minutos com menos um elemento, já que Diogo Rosado recebeu ordem de expulsão aos 74 minutos, depois de uma entrada dura sobre João Tomás na zona central do terreno.

Até ao final do encontro, o Rio Ave não soube tirar partido da vantagem numérica, dado que o Feirense esteve concentrado nas suas ações defensivas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.