Fernando Santos recebeu um voto de confiança na época 2007/08 do presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, porém após a primeira jornada foi despedido.

O agora seleccionador grego não acredita que o mesmo se passará com Jorge Jesus até porque «esses erros não se cometem duas vezes».

«Não acredito porque o próprio presidente já o disse várias vezes. Acho que esses erros não se cometem duas vezes ou não se devem cometer duas vezes. Não é por aí o caminho das vitórias», revelou Fernando Santos à rádio 'Antena 1'.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.