Nico Gaitán, extremo do Benfica, desentendeu-se com Luisão no final da partida com os New York Red Bulls. O capitão "encarnado" terá perdido a paciência com o jogador argentino.

Segundo escreve o jornal A Bola, após o final do encontro na Red Bull Arena, Luisão pediu que todos os jogadores se juntassem e agradecessem em conjunto o apoio dos 18 mil benfiquistas que presenciaram o encontro da equipa frente ao New York Red Bulls. Gaitán não prestou atenção e seguiu caminho para o balneário. O defesa brasileiro voltou a chamar o extremo e terá sido nesse momento que se terá iniciado uma troca de argumentos, com o tom da conversa a subir rapidamente.

Escreve a mesma publicação que o jogador terá dito a Luisão que já teria agradecido. Depois disso o criativo argentino terá virado as costas ao capitão, o que terá caído mal na estrutura benfiquista.

Este incidente surge numa altura em que o futuro de Gaitán está em aberto. O jogador há muito que é dado como certo no Manchester United.

Também durante a partida aconteceu um facto que pode não ser alheio à irritação do argentino. No momento em que deixou o campo, Luisão entregou a braçadeira de capitão a Samaris e não a Gaitán. O argentino terá assim sido preterido como capitão de equipa.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.