O Governo Regional da Madeira vai disponibilizar 10 milhões de euros ao Marítimo, clube da I Liga portuguesa de futebol, que servirão para conclusão das obras de remodelação do Estádio dos Barreiros, no Funchal.

A garantia foi dada hoje à Agência Lusa por fonte da secretaria regional da Educação, que tutela a pasta do Desporto.

O clube madeirense irá receber quatro parcelas de 2,5 milhões de euros, no espaço de um ano, sendo que a primeira fatia será paga o mais tardar até ao próximo mês, uma vez que a medida carece de ser aprovada em Conselho de Governo, na quinta-feira.

A atual governação, liderada por Miguel Albuquerque, reprovou, recentemente, um aval bancário, de 10 milhões de euros, que foi concedido pelo anterior governo, sob a presidência de Alberto João Jardim, nos seus últimos dias de mandato, optando por esta modalidade, que é do agrado da direção do Marítimo.

As obras do antigo Estádio dos Barreiros, agora estádio do CS Marítimo, ainda não estão concluídas, por estar a faltar a edificação da bancada principal do recinto, que terá a capacidade para albergar cerca de 10.000 espetadores.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.