O médio mexicano Herrera está a caminho do FC Porto e é já apontado como a maior transferência de sempre do futebol daquele país.

O jogador do Pachuca terá custado aos dragões uma verba a rondar os 13 milhões de euros, de acordo com a imprensa mexicana. Sem revelar os valores envolvidos, Andres Fassi, o vice-presidente do emblema mexicano, exulta com o negócio efetuado neste defeso.

«Não podemos falar em números, mas posso dizer que será a maior transferência de sempre de um jogador mexicano para a Europa, será o mais caro de sempre. Foi esse, precisamente, o motivo do prolongar das negociações: os elevados valores em causa», afirmou o dirigente do Pachuca, sublinhando: «Nesta altura faltam só pequenos detalhes, porque o acordo está feito».

Herrera será o provável sucessor de João Moutinho no meio-campo do FC Porto na próxima época. 

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.