O defesa internacional equatoriano Jackson Porozo assinou por cinco temporadas com o Boavista, oriundo das camadas jovens dos brasileiros do Santos, oficializou hoje o clube da I Liga portuguesa de futebol.

“Estou muito orgulhoso por ter chegado a este grande clube. Desde que soube que vinha jogar para cá informei-me e fiquei encantando com a história desta instituição e com os adeptos”, assumiu o central, numa nota publicada pelos ‘axadrezados’ nas redes sociais.

Jackson Porozo, de 20 anos, deixou o futebol brasileiro sem nunca ter representado a equipa principal do Santos, após uma passagem inicial pelos equatorianos do Manta e a presença em seis jogos da fase final do Mundial sub-20 de 2019 pela seleção ‘tricolor’.

“Desde que me falaram do projeto, nem pensei duas vezes e disse logo que queria fazer parte dele. É uma enorme responsabilidade, mas também um grande orgulho, poder representar o meu país num grande clube como o Boavista”, vincou.

O emblema campeão nacional em 2000/01 tem revolucionado toda a estrutura durante o defeso, aproveitando o investimento do empresário hispano-luxemburguês Gérard Lopez, que acordou com a direção de Vítor Murta a compra da maioria do capital social da SAD.

“Sou forte no jogo aéreo, no um contra um, gosto de sair a jogar e também quero marcar golos. Espero que os adeptos nos apoiem. Esta grande equipa vai dar tudo e, se em alguns momentos estivermos piores, espero que continuem a apoiar-nos”, concluiu.

Jackson Porozo é o 16.º reforço oficializado pelo Boavista, acompanhando o guarda-redes Léo Jardim, os defesas Adil Rami, Chidozie, Jesús Gómez, Nathan Santos, Ricardo Mangas, Reggie Cannon e Yanis Hamache, os médios Angel Gomes, Javi García, Nuno Santos, Sebastián Pérez e Show e os avançados Alberth Elis e Jorge Benguché.

O Boavista estreou-se na I Liga com um empate frente ao Nacional (3-3) e uma goleada caseira sofrida diante do FC Porto (0-5), abrindo a terceira jornada diante do Moreirense na sexta-feira, às 19:00, no Estádio Comendador Joaquim de Almeida Freitas, em Moreira de Cónegos, com arbitragem de Manuel Mota, da associação de Braga.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.