"Confirmo a minha saída do Belenenses. Reservo outros pormenores para mais tarde. Estou muito cansado", disse o técnico, que não resistiu aos maus resultados.

A decisão foi tomada já na madrugada de hoje, depois de a equipa de Lisboa ter averbado a sua sexta derrota no campeonato, em que contabiliza apenas uma vitória, obtida na 2.ª jornada, a 24 de Agosto, frente à Naval 1.º de Maio (2-0), e sete empates, dois dos quais fora (0-0), frente aos "grandes" Sporting e FC Porto, à 7.ª e 9.ª jornadas, respectivamente.

Perante o 14.º lugar, com 10 pontos, que o Belenenses ocupa provisoriamente, antes de Leixões (15.º, com 10 pontos) e Olhanense (16.º, com 9) se defrontarem hoje, a Direcção resolveu rescindir com o técnico para dar um novo rumo aos acontecimentos, apesar de o técnico ter celebrado, no início de época, um contrato por duas temporadas, ou seja, até 2011.

A Direcção do Belenenses vai agora encetar esforços na busca de um novo treinador.

A equipa está de férias até depois do Natal, retomando então os treinos certamente já com novo técnico.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.