João Mário foi apresentado como jogador do Benfica esta quinta-feira, depois da sua oficialização na passada terça-feira.

Em declarações aos órgãos de comunicação do clube, o médio destacou a forma como foi recebido pelas águias e a sua surpresa com as condições que encontrou no centro de treinos da equipa.

"Já conhecia um pouco do que eram as instalações do Benfica, mas estou muito surpreendido com o Seixal, com a organização que existe em torno do Clube e da primeira equipa. Agradecer a todos pela forma como me receberam", disse.

O ex-jogador do Sporting não esconde o objetivo de entrar na Liga dos Campeões e de reconquistar o título de campeão nacional que tem fugido às águias. João Mário abordou ainda a sua relação com Jorge Jesus, que foi decisivo na sua mudança para a Luz.

"O míster foi quem conseguiu tirar melhor rendimento do que são as minhas características, é alguém que sempre admirei muito pelo seu profissionalismo e pelo seu trabalho. Sendo o mais sincero possível, foi determinante na minha escolha de vir para o Benfica", afirmou.

João Mário deixou ainda uma palavra de agradecimento a Rui Costa e a Rui Pedro Braz, diretor-geral para o futebol, cuja presença ajuda ao grupo.

No final, o médio mostrou ainda a sua ansiedade por jogar num Estádio da Luz lotado, depois de um período "difícil para todos nós".

"O futebol sem adeptos não é a mesma coisa, especialmente para o Benfica que tem sempre o estádio cheio e que vale muito pelos seus adeptos. Estou ansioso por jogar no Estádio da Luz como jogador do Benfica, cheio de Benfiquistas", concluiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.