O Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF) felicitou esta quarta-feira Pedro Proença pela sua eleição para a liderança da Liga de clubes, manifestando-se confiante que o ex-árbitro “saberá unir o futebol português”.

“Esta eleição, estranha para alguns, é o reconhecimento do trabalho que [Pedro Proença] vem desenvolvendo no plano nacional e internacional e como tal merece os votos de congratulação dos jogadores de futebol (...) O momento não é fácil e são muitos os desafios que se colocam ao futebol português. Mas mais do que homens providenciais, a Liga precisa de alguém que lidere uma equipa multidisciplinar e com capacidade agregadora”, pode ler-se em mensagem assinada pelo presidente do SJPF.

Joaquim Evangelista manifestou-se confiante que Pedro Proença “saberá unir o futebol português” e “promover um verdadeiro diálogo social, que não se fique pelas palavras e que saiba convocar todos sem exceção para participar ativamente”.

“O SJPF, enquanto parceiro institucional, independentemente das divergências naturais, não deixará de estar disponível, como até agora, para fazer parte de um projeto que credibilize o futebol nacional”, escreve o dirigente.

O ex-árbitro Pedro Proença foi eleito presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), batendo o antigo líder do organismo Luís Duque por nove votos.

Pedro Proença recebeu 32 votos, contra 23 de Luís Duque, recebendo o apoio de 12 dos 18 clubes da I Liga, que tinham direito a dois votos, e oito dos emblemas da II Liga.

Em Luís Duque, que tinha sido eleito a 27 de outubro de 2014, votaram seis clubes do primeiro escalão e 11 do segundo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.