Carlos Carvalhal chegou ao Sporting há menos de um mês e ainda só orientou um jogo pelo clube. O próximo adversário é o SL Benfica, no jogo mais aguardado da 11ª jornada. Para o técnico leonino estão em jogo três pontos, mas "na prática é sempre um jogo especial".

Em relação ao treinador do SL Benfica, Carlos Carvalhal afirma que não conhece pessoalmente o técnico da Luz e que apenas falou por telefone com Jorge Jesus. "Não falo do adversário. Não tenho uma relação pessoal com Jesus. Falei uma vez ao telefone em que ele me ligou, foi uma conversa longa na altura. Depois cumprimentei-o nos jogos. Tenho uma relação profissional".

"O jogo não é decisivo mas é importante", Carlos Carvalhal

O Sporting tem preparado o próximo jogo ao pormenor. Na perspectiva de Carlos Carvalhal, o SL Benfica vai encontrar em Alvalade, um adversário difícil e motivado. O técnico dos leões acredita ainda que a sua equipa vai criar muitas dificuldades aos encarnados e que o Sporting tem a vantagem de jogar em casa, "tenho a consciência que o Benfica vai encontrar em Alvalade um adversário difícil e motivado, e que a vantagem vai ser jogar em casa".

Em relação ao mito de que a equipa que está em pior situação normalmente vence, Carlos Carvalhal afirma que "nunca se agarrou a esse tipo de situações".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.