Jorge Jesus não deixou escapar esta tarde a hipótese de responder a Julen Lopetegui, depois de o treinador do FC Porto ter deixado no ar a ideia de que o Benfica era o clube mais beneficiado pelas arbitragens nesta temporada.

Na conferência de imprensa de antevisão ao jogo com o Estoril, o técnico do Benfica ripostou e citou um jogo no qual os dragões terão sido beneficiados pela arbitragem. "É natural que fale das arbitragens. Só lhe vou perguntar de que jogo é que ele está a falar. Se é do Penafiel-FC Porto já sei do que é que ele está a falar", atirou Jesus.

Perante a insistência dos jornalistas sobre o clima de tensão que se está a construir em torno das arbitragens com as declarações dos dois clubes, Jorge Jesus vincou que prefere treinar a falar sobre esse tema.

"A minha responsabilidade como treinador do Benfica é desenvolver um trabalho para que possamos apresentar-nos bem nos jogos. Agora, o jogo falado não é o meu forte, nem dos meus jogadores", declarou.

Porém, Jorge Jesus garantiu que não se vai inibir de comentar as arbitragens após os jogos, caso entenda fazê-lo. "Se tiver de ter uma opinião sobre a arbitragem, vou ter. Uma coisa não tem nada a ver com a outra", rematou.

O Benfica recebe este sábado o Estoril, às 17h00, no Estádio da Luz, em jogo da 23ª jornada da Liga.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.