Jorge Simão elogiou a postura dos seus jogadores, apesar da derrota por 1-0 frente ao SC Braga, jogo da 8.ª jornada da I Liga. O técnico do Desportivo de Chaves lamentou apenas que a sua equipa não tenha somado pontos na ´Pedreira`.

Exibição do Chaves: "A primeira parte não foi boa, foi muito mole, de parte a parte. O Braga com uma posse de bola posicional, sem ser agressiva, sem nos criar dificuldades; em duas bolas que normalmente não permitimos, criou duas situações de golo. Nós tivemos dificuldade em levar a bola e criar situações de finalização. A segunda parte foi diferente: entrámos melhor, mais agressivos, mais acutilantes na procura do golo. Metemos uma bola também no barrote e praticamente na sequência desse lance há ali uma série de ressaltos na área e deu penálti. A partir daí, só deu Chaves".

Chaves muito forte: "Construímos, circulámos, rematámos, criámos mais situações de golo. Fico agradado com o desempenho, com a vontade e a coragem destes jogadores para lutarem até ao último minuto. Obviamente que o resultado não nos satisfaz, de todo! Eu preferia ter perdido por 1-0 e levar um amasso do Braga, e longe disso".

Braga não impressionou: "Não consigo lembrar-me de mais nada. Tenho é uma ideia forte na cabeça: vir a Braga, perder 1-0 e preferia sair daqui convencido, mesmo derrotado. Tenho que dar os parabéns ao adversário, mas não saio daqui convencido. A organização defensiva foi forte, o Braga teve duas ocasiões, depois, na segunda parte, enviámos uma bola à barra, depois houve aquela bola que no máximo terá batido no cotovelo. Recebemos instruções de um árbitro que as bolas rápidas nos braços deixariam de ser assinaladas."

O que faltou?: "Faltou fazer golo. Deixo uma palavra de agradecimento aos nossos adeptos que estiveram na bancada, foi uma moldura humana assinalável, e um calor para nós que estávamos na luta, fez-nos sentir a sua presença e ajudaram naquela fase em encostámos o Braga lá atrás".

Ausências no Chaves: "Não se notaram as baixas. Temos um plantel de 23 jogadores de campo e todos têm valor para estar cá e o processo continua igual. Ninguém dá por ela, daí termos criado as dificuldades que criámos ao Braga".

Falhar o quarto lugar. "A nossa luta é pontuar, o que eu queria era terminar esta jornada pelo menos com 13 pontos, e isso já nos daria o quinto lugar, na nossa luta dos 40 pontos. Faltam-nos 28".

O SC Braga venceu o Desportivo de Chaves por 1-0, em jogo de fecho da 8.ª jornada da I Liga. O único golo do jogo foi apontado por Pedro Santos, na transformação de uma grande penalidade. A vitória permite ao Braga igualar o Sporting no 3º lugar da tabela, com 17 pontos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.