Jorge Simão, treinador do Chaves, ficou naturalmente satisfeito com a vitória obtida no terreno do Nacional, em partida em atraso da primeira jornada da I Liga, salientando a eficácia da sua equipa.


"Estou mais tentado em concordar com a eficácia do que uma ponta de sorte. Até a meio da primeira parte, foi um jogo bem conseguido, mas a partir daí até ao fim, talvez a partir da meia hora, aquela parte final da primeira parte, admito que o Nacional nos criou algumas dificuldades. Corrigimos ao intervalo de forma brilhante, devido aos jogadores, o que nos permitiu ter uma segunda parte com controlo completo, com a construção de situações de finalização para dilatar o resultado e ter o jogo fechado até ao fim", comentou após o encontro.