As equipas do Desportivo de Chaves e Benfica ofereceram lembranças à equipa de arbitragem no final da partida da passada segunda-feira, que terminou com a vitória dos encarnados, com um golo do suíço Seferovic já em tempo de compensação.

Jorge Sousa, que comandou a equipa da arbitragem nesse jogo da segunda jornada, fez questão de referir essa “lembrança regional sem valor comercial”, realçando que o ”delegado do Benfica ofereceu a cada elemento da equipa de arbitragem uma camisola do clube".

Além do mais, no relatório de Jorge Sousa refere os tempos das pausas para hidratação.

"Conforme previamente combinado na reunião preparatória entre ambas as equipas, equipa de arbitragem e delegados da Liga, procedeu-se a uma paragem de jogo na primeira parte e outra na segunda parte para hidratação dos atletas, devido ao intenso calor que se fez sentir à hora do jogo", pode ler-se no relatório.

Voltando às ofertas aos árbitros, também no jogo entre o Boavista e o Rio Ave, Luís Ferreira escreveu que a equipa portuense ofereceu, após o apito final, uma garrafa de vinho do Porto a cada um dos elementos da equipa de juízes.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.