O presidente da Mesa da Assembleia Geral da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), Mário Costa, apelou hoje no Porto para que haja "confiança e respeito mútuo" no arranque da nova época desportiva.

Em declarações na conferência de imprensa que sucedeu à aprovação, por unanimidade e aclamação, do Plano de Atividades e Orçamento para 2017/18, Mário Costa destacou o "sinal nessa direção dado pelos clubes" na reunião magna.

"É importante começarmos esta época desportiva num clima de confiança e de respeito mútuo. A Liga e os clubes deram um sinal disso mesmo nesta assembleia geral aprovando o plano de atividades e o orçamento por unanimidade e aclamação", disse.

Questionado sobre as polémicas recentes no futebol português, o dirigente da Liga insistiu que "os clubes deram um sinal claro de que querem dignificar a competição e honrar a indústria do futebol, além de se dignificarem além-fronteiras".

"É hora de esquecer as disputas internas", acrescentou, lembrando que as questões que envolvem polémica "já estão nos órgãos competentes e espera-se que sejam resolvidas de forma rápida".

Audíveis no exterior do auditório onde decorreu a reunião, os aplausos da plateia foram explicados por Mário Costa como derivando do "consenso verificado nas aprovações" e também pela "intervenção final do presidente da Liga sobre a recente tentativa de retirada de poderes" à instituição "e o que foi feito para o impedir".

Admitindo que as polémicas no futebol português "não dignificam o trabalho" da direção, aquele responsável anunciou que a curto prazo a Liga "vai tentar captar apoios a nível internacional".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.