Na próxima segunda-feira, o Belenenses SAD recebe o Moreirense para o jogo da 20º jornada do campeonato nacional, no entanto não poderá realizar a partida da sua 'casa', o Estádio do Jamor, visto que a Liga Portugal interditou o estádio, segundo avança o jornal 'Record'.

O último jogo do Belenenses SAD no Estádio Nacional, frente ao Tondela, foi alvo de diversas críticas pelo estado do relvado e o presidente da SAD do clube já tinha abordado a possibilidade de deixar o Jamor.

Na altura, Rui Pedro Soares revelou que o relvado do estádio é tratado por uma "empresa de jardinagem de um vice-presidente do clube" e deixou também algumas críticas.

"No mínimo, houve incompetência. Sabotagem?  Não levantarei suspeitas, mas se essa for a conclusão, e estamos a estudar tudo o que aconteceu numa semana em que se sabia que choveria muito, que havia gelo no relvado, então é processo-crime! O que garanto é que, até ao fim da Liga, jogaremos com um muito bom relvado seja onde for. E será num relvado tratado por uma empresa tecnicamente credenciada, detida por profissionais idóneos, onde os jogadores possam apresentar o futebol que a equipa merece e que os adeptos gostam", disse Rui Pedro Soares depois do jogo frente ao Tondela.

Para já, o Belenenses SAD ainda não tem local para receber o Moreirense na próxima segunda-feira. O Estádio António Coimbra da Mota, onde joga o Estoril, e o estádio do Real Sport Clube, em Monte Abraão são opções pela proximidade, no entanto, Seixal, Alcochete, Alvalade e Luz são também alternativas.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.