Lito Vidigal foi hoje oficializado como treinador do Arouca e manifestou a ambição de colocar a equipa na parte superior da classificação da I Liga de futebol, com um plantel que começa a ser construído esta semana.

"Identifico-me com este projeto, com esta equipa. O Arouca vai para o seu terceiro ano na I Liga e sempre conseguiu os seus objetivos. Este ano quero tentar que o Arouca se comece a cimentar na I Liga e atinja os lugares da primeira metade da tabela classificativa", afirmou o sucessor de Pedro Emanuel.

Lito Vidigal assinou por dois anos e garante que "o plantel vai começar a ser decidido a partir de agora", em conjunto com a direção. Mas terão de ser jogadores dispostos a lidar com a pressão e ambição do treinador.

"Sou ambicioso e quem trabalhar comigo tem de o ser também. Temos de ter pressão para ganhar com mais frequência. Queremos sempre mais, os sonhos alimentam-se dessa forma. Vamos construir um plantel forte e competitivo", avisou o sucessor.

Com a definição destes objetivos, Lito quer evitar que o Arouca consiga a manutenção nas últimas jornadas, uma vontade partilhada pelo presidente do clube, Carlos Pinho, que viu a equipa terminar o campeonato 2014/14 na 16.ª e antepenúltima posição.

"Estes dois anos foram de sofrimento e não quero nem mereço sofrer tanto", disse Carlos Pinho.

No final da conferência de imprensa, Lito Vidigal elogiou os adeptos do Arouca e pediu o apoio de todos para alcançar o sucesso pretendido.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.