O médio Luís Alberto, que marcou o primeiro golo do Nacional da Madeira no triunfo por 2-1 sobre o Benfica, destacou a “força e entrega” da sua equipa, no jogo da segunda jornada da Liga de futebol.

“Foi a vitória da humildade, da força e da entrega. É uma vitória de todo o plantel e não apenas dos jogadores que estiveram em campo”, disse Luís Alberto, em conferência de imprensa, após o encontro de sábado à noite no Estádio da Madeira.

“Temos que manter a humildade, temos seis pontos mas ainda não ganhámos nada. Mais importante que começar bem é terminar bem o campeonato”, referiu.

O guarda-redes Bracali, uma das figuras da formação madeirense frente ao Benfica, considerou que o Nacional da Madeira correu mais que o Benfica e recusou comentar a exibição de Roberto, guardião dos “encarnados”.

“É falta de ética falar do Roberto, espero que seja feliz. Posso falar de mim, trabalho todo os dias para jogar e ajudar a conquistar pontos”, disse o brasileiro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.