O regresso de Moussa Marega à equipa do F.C. Porto pode estar para breve e só falta mesmo um pedido de desculpas do avançado maliano ao grupo de trabalho liderado por Sérgio Conceição para ser reintegrado no plantel portista, escreve esta quinta-feira o jornal O JOGO.

De acordo com as informações recolhidas pelo jornal desportivo portuense, Moussa Marega está a dar sinais fortes de que tem vontade de regressar à equipa e tem trabalhado nesse sentido apesar de treinar neste momento à parte.

O internacional maliano esteve a negociar a saída para o West Ham, mas os valores apresentados pelo emblema londrino não agradaram aos responsáveis do F.C. Porto e a transferência foi 'abortada'. Marega ficou insatisfeito com essa situação e acabou por ser colocado de parte por Sérgio Conceição de forma a 'limpar a cabeça' até estar totalmente comprometido com o grupo.

Ora, segundo escreve o jornal O JOGO esta quinta-feira, Marega ainda não se retratou perante o grupo depois de ter insistido em sair do F.C. Porto, mas já dá sinais de querer ser reintegrado tendo treinado todos os dias, mesmo nos dias de folga concedidos por Sérgio Conceição.

Marega procura desta forma reforçar o seu compromisso com a equipa tentando ganhar ritmo para ser reintegrado e recuperar o tempo perdido depois de falhar os dois primeiros jogos da temporada frente ao Desportivo das Aves, para a Supertaça Cândido de Oliveira, e Desportivo de Chaves, na jornada inaugural do campeonato.

A informação veiculada pelo referido diário portuense é que Marega não deverá ser opção de Sérgio Conceição para o próximo jogo com o Belenenses SAD, mas que deverá regressar aos treinos na próxima semana.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.