Os futebolistas Matic e Gaitan foram as principais "baixas" no treino do Benfica de hoje, que começou com uma hora de atraso em relação à hora prevista, notando-se também as ausências de Carlos Martins e Enzo Perez.

Depois de um ciclo de declarações de vários jogadores e do treinador Jorge Jesus, inseridos no dia aberto à comunicação social, promovido pela UEFA, os trabalhos de preparação para o jogo de sábado com o FC Porto iniciaram-se com uma sessão de troca de bola, dividida em dois grupos.

No capítulo do apuramento físico, com a realização de corrida em "sprint", destaque para o facto de o central luso Roderick Miranda e de o extremo Urreta terem integrado o lote dos "titulares".

Este grupo, que não contava com guarda-redes, foi composto por 12 elementos: Roderick Miranda, Urreta, Lima, Cardozo, Ola John, Luisão, Garay, Rodrigo, André Almeida, Maxi Pereira, Melgarejo e Salvio.

Segundo informação veiculada pelo Benfica, este "quarteto" composto por Matic, Gaitan, Carlos Martins e Enzo Perez limitou-se a fazer trabalho de ginásio. Todos os restantes jogadores estão sem impedimento físico e treinaram sem limitações.

Para o jogo do Dragão, Jorge Jesus já sabe que não poderá contar com Carlos Martins, expulso na receção ao Estoril-Praia e que se encontra também com limitações físicas. Incerta será a presença de Enzo Perez e só em cima da hora do jogo o departamento médico "encarnado" dará um parecer final sobre as condições do atleta, que deverá estar em condições para defrontar o Chelsea, na final da Liga Europa, a 15 de maio.

O Benfica, líder do campeonato com 74 pontos, defronta, pelas 20:h30 de sábado, no Estádio do Dragão, o FC Porto, segundo com 72, em jogo da 29.ª jornada da I Liga, que poderá ditar o título de campeão nacional, em caso de triunfo dos "encarnados".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.