Pinto da Costa deixou esta tarde bem vincado que o FC Porto ainda não tem motivos para festejar, apesar de ter vencido o rival Benfica e ser agora o líder da liga portuguesa. Pinto da Costa só quer festejos quando se confirmar matematicamente que os dragões são campeões.

«Não podemos entrar em euforias, como o Benfica depois do jogo com o Marítimo. Ontem festejou-se daquela forma por ser uma vitória importante, alcançada nos descontos. Mas tinha uma fé enorme de que podíamos ganhar», revelou Pinto da Costa,

Para a última jornada, em Paços de Ferreira, Pinto da Costa antevê dificuldades e não revelou o futuro de Vítor Pereira.

«Há muito tempo que está combinado conversar depois da época terminar», revelou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.