Embora tenha protagonizado a segunda transferência mais rentável da história do Sporting, Marcos Rojo ainda está em Portugal. O defesa que se transferiu para o Manchester United ainda espera pela documentação necessária para poder envergar a camisola dos ‘red devils’.

Em declarações ao jornal A Bola, o internacional argentino admitiu que foi ver o jogo entre Sporting e Benfica ao estádio da Luz e que prevê que o clube leonino vá lutar até à última pelo título de campeão português.

“Sim, sofri um pouco [em relação ao dérbi]! Sou do Sporting! Passei épocas maravilhosas no clube e isso não se esquece. É um clube muito grande. E como estava em Lisboa, fui ver… O Sporting tem uma equipa muito forte e o seu treinador, bem como os jogadores, sabem que têm de trabalhar muito para chegar ao título nacional. Mas acredito que se continuarem assim e a trabalhar como têm feito, a conquista do título será uma realidade”, frisou o vice-campeão do Mundo que vai representar a Argentina num jogo particular contra os germânicos numa reedição da final do Campeonato do Mundo.

Questionado sobre o presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, Rojo preferiu não comentar sobre o dirigente. Para o jogador de 24 anos, ficou tudo como deveria ter ficado. “Ficou tudo esclarecido e isso é o mais importante. Não quero falar muito sobre o presidente do Sporting”, rematou.

Contratado pelo Manchester United no mercado de Verão, Rojo ainda não fez nenhum jogo pela equipa inglesa, mas garante que foi muito bem recebido em Old Trafford.

"Foram maravilhosos na forma como me receberam. [O Manchester United] é um grande clube e estou a gostar da cidade. Está tudo muito bem. O mais difícil mesmo é compreender o idioma, mas nada que não se ultrapasse com o tempo. De resto, está tudo tranquilo”.

Marcos Rojo foi contratado pelo Manchester United ao Sporting por 20 milhões de euros mais o empréstimo de Nani aos ‘leões’ por uma temporada. Apesar de fazer parte do plantel dos ‘red devils’, Rojo ainda não fez qualquer jogo pela equipa orientada por Louis Van Gaal. Em causa está o certificado internacional do jogador, que ainda não terá chegado a Inglaterra.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.