Depois da surpreendente vitoria por 5-0 sobre o Benfica, em jogo da 10ª jornada da I Liga, André Villas-Boas diz que o FC Porto não baixará os braços e manterá o estado de alerta.

“Temos de continuar a estar em alerta. Estes dez pontos de vantagem são anormais, nunca tal aconteceu a história do campeonato à 10ª jornada. Faltam quatro jogos do campeonato antes da paragem de Natal e gostava de manter esta distância e continuar na senda das vitórias”, disse André Villas-Boas, esta sexta-feira, em conferência de imprensa, realizada no auditório do Centro de Treinos e Formação Desportiva PortoGaia, no Olival.

Neste sentido, André Villas-Boas que o feito alcançado no último domingo, no Estádio do Dragão, foi por mérito dos azuis e brancos e não demérito do adversário.

“O FC Porto ganhou contra aquele Benfica que tinha um super ataque, um campeão nacional, mas que nada tem a ver com o ano passado. Acho que houve uma tentativa de se mostrar o demérito do Benfica quando o destaque deveria ter sido para este FC Porto forte. Não venham menosprezar a dimensão do que foi atingido”, atirou o técnico.

Esta semana, o dirigente do Benfica Luís Nazaré disse que, neste momento, o objectivo crível dos encarnados é o segundo lugar. Villas-Boas desconfia.

“Olho para essas declarações com suspeição. Quando vêm dizer que o objectivo do Benfica é o segundo lugar é menosprezar quem trabalha no clube. À décima jornada, tentar enganar e enviar areia para os olhos não me parece correcto, mas não entramos nessa onda”, justificou.

Com dez pontos de vantagem sobre o segundo classificado, os portistas jogam agora com o Portimonense, e o técnico dos azuis e brancos acredita os algarvios são daquelas equipas que querem mostrar o seu valor num grande palco. “Até porque vêm de um empate com a Académica (I Liga) e um afastamento da Taça da Liga”.

Para o encontro da 11ª jornada, Fernando continua de fora, Falcao em dúvidas, e Maicon cem por cento em forma.

O líder FC Porto, com 28 pontos, defronta este domingo, às 20h15, o Portimonense (14º com 10 pontos), no Estádio do Dragão.

André Villas-Boas disse, em conferência de imprensa, que tudo fará para manter os jogadores mais pretendidos no FC Porto. O técnico disse também que não abdica da posição que ocupa no clube. Veja o vídeo

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.