Nuno Santos, jogador do Sporting, em declarações na flash interview da Sport TV.

Jogo: "Foi um jogo bem conseguido da nossa parte, um jogo difícil, não dava para jogar, foi no sacrifício, no espírito de equipa e assim é que se tornam uns guerreiros. Dar mérito à equipa e ao Nacional porque com este tempo é difícil de jogar"

Vitória mais saborosa pela dificuldade do tempo: "São mais três pontos, claro que com este clima são três pontos que valem seis, porque neste campo é sempre difícil ganhar"

Problemas a chegar à Madeira: "Nós fizemos o que nos mandaram, tentámos aterrar no Funchal e jogar. Ontem não deu por causa do clima, hoje foi no esforço e conseguimos a vitória que era o mais importante"

Jogo com o Marítimo: "Mais um jogo, se Deus quiser mais uma vitória".

Antes de Nuno Santos, Pedro Gonçalves foi eleito 'Homem do Jogo' para a Sport TV e realçou a raça da equipa na Choupana.

"Vale o mesmo, vale três pontos. Tivemos de ir na raça, na vontade. O leão é feito disto e vamos continuar o nosso campeonato da mesma maneira", disse.

O Sporting manteve a invencibilidade na I Liga portuguesa de futebol, ao vencer em casa do Nacional esta sexta-feira, por 2-0, na 13.ª jornada. Num encontro que se devia ter disputado na quinta-feira, mas foi adiado devido ao mau tempo na Madeira, Nuno Santos (43 minutos) e Jovane Cabral (90) deram o quarto triunfo consecutivo aos 'leões' no campeonato.

Ainda invicto, o Sporting lidera a I Liga, com 35 pontos, enquanto o Nacional continua em nono, com 13 pontos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.