O futebol tem a sua grande tradição na Europa e na América do Sul. É o desporto que movimenta as massas, que faz sonhar milhares de pessoas e agora tem a sua própria rede social. João Cabral juntou-se a Nuno Marques e Hugo Campos para criar a primeira rede social do mundo do futebol, a Wannaplayer (www.wannaplayer.com).

«Formei-me em desporto na Faculdade de Motricidade Humana e posteriormente tentei arranjar contactos profissionais como treinador. Vi que tinha de ir a muitos sites, perder muito tempo e foi daí que surgiu a ideia. Tentar encontrar uma forma de as coisas serem mais simples», explicou João Cabral em conversa com o SAPO Desporto. «Foi um problema que identifiquei no basquetebol [que é a sua área]».

Apesar disso, a equipa percebeu que para o lançamento do projeto o futebol seria o melhor ‘pontapé de saída’, não só pela projeção, mas porque «o desenvolvimento tecnológico neste sistema de rede é tradicional». Os primeiros passos foram dados no Brasil e não por mero acaso. «É a mesma língua-mãe e queríamos apostar em fazer a ponte», conta, por forma a internacionalizar o projeto.

A rede ficou concluída esta quinta-feira, com a inclusão de uma caixa de mensagens, e a divulgação por cá começa agora. Ainda não há personalidades de vulto a ‘passear pela rede’, mas os dois nomes mais sonantes do futebol luso seriam uma mais-valia.

«Adorávamos ter o Ronaldo na rede. No evento da FMH [a 29 de maio houve um palestra sobre A Teoria e Prática no Futebol] falámos com o biógrafo do José Mourinho, visto que era interessante tê-lo, embora ele não seja muito das novas tecnologias. Vamos ver», explicou João Cabral.

Em novembro, a equipa do Wannaplayer vai estar presente na maior convenção de futebol do Mundo, que se realiza no Rio de Janeiro, um dos palcos do próximo Mundial de futebol.

A Wannaplayer apresenta-se em português e inglês, já a pensar na conquista do mercado fora da lusofonia. «Qualquer país, é exatamente essa a força de uma rede online. Permite ter contactos nos quatro cantos dos mundo. Numa primeira fase Portugal e Brasil, passando também pelo top 5 europeu: Inglaterra, Alemanha, Espanha, França e Itália. Posteriormente, mercados emergentes, como a China, a Índia e a Rússia», concluiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.