O treinador do Benfica, Rui Vitória, fez esta sexta-feira a antevisão do encontro com o Paços de Ferreira. Convidado a comentar a afirmação na primeira equipa dos jovens Nélson Semedo e Gonçalo Guedes, o técnico dos "encarnados" congratula os jogadores pela evolução, no entanto, sublinha que o primeiro critério é a qualidade.

“O critério é a qualidade. Depois tem de haver a perspicácia para criar o ambiente para os jogadores renderem. O mérito é dos jogadores, que têm tido uma evolução fantástica”, afirmou.

Sobre as ausências de Taarabt e Carcela das primeiras escolhas, Rui Vitória referiu que alguns jogadores precisam de mais tempo de adaptação.

"A adaptação é um processo natural. Quando nós entendermos que é bom para estar na equipa, entrarão. Escolhemos os que entendemos. Às vezes precisam de mais tempo, há um processo de assimilação."

As "águias" medem forças este sábado com o Paços de Ferreira no estádio da Luz.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.