Na semana passada, Silas foi anunciado como o novo treinador do Sporting. No entanto, a sua contratação tem estado envolta em polémica. Em causa está o facto de Silas ainda não ter o nível exigido para orientar na I Liga - é necessário o nível 4, enquanto o ex-técnico do Belenenses SAD tem o 3.

Em declarações à Rádio Renascença, Domingos Paciência criticou a contratação de Silas, depois de esta já ter sido também comentada pelo presidente da Associação Nacional de Treinadores de Futebol.

"Infelizmente não é a primeira vez que isto acontece no futebol português e vai continuar a acontecer enquanto as pessoas não tomarem as medidas certas. E as pessoas que falo são os dirigentes", começou por dizer o antigo treinador do Sporting.

"Estes iluminados dirigentes conseguem tornear a lei desta forma. Andam uns a lutar para cumprir a lei e para proteger os treinadores - somos uma associação com 6 mil treinadores, todos eles habilitados para as suas divisões -, e quando acontece isto... São os iluminados que temos, que tentam fazer estes malabarismos", atirou ainda.

Questionado sobre o trabalho de Silas como treinador, Domingos Paciência disse não ter opinião formada. "Para ser sincero não tenho opinião. No Belenenses jogou em 3x5x2, dando continuidade ao trabalho do treinador anterior, e é natural que tenha de mudar este Sporting, jogando de outra forma", concluiu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.