O Paços de Ferreira venceu no reduto do Sporting de Espinho, um histórico do futebol português agora no Campeonato de Portugal, por 3-0, em encontro particular presenciado por Sérgio Conceição, treinador do FC Porto.

O avançado Raul foi a figura deste encontro de sentido único, como seria de esperar, ao bisar, anotando o primeiro e o último golo, com Luiz Phellype a marcar de permeio.

Os pacenses, da I Liga, dominaram o encontro quase a tempo inteiro, com um maior atrevimento dos ‘tigres', este ano de regresso ao agora denominado Campeonato de Portugal, no segundo tempo, sempre num clima de festa por parte das várias centenas de adeptos espinhenses presentes.

O técnico pacense, Vasco Seabra, poupou os jogadores utilizados de início frente ao Feirense (vitória por 3-1), de manhã, apostando num ?onze' formado por Mário Felgueiras na baliza, uma defesa formada por João Góis e Paulo Henrique nas faixas laterais e Dylan e Miguel Vieira ao centro, um meio campo formado por Gian, Mateus e Pedrinho, atrás dos avançados Raul, Luiz Phellype e Mabil.

Jogaram ainda Francisco Afonso, Pedro Marques, Hendrio, Mabil, Barnes, André Sousa, Christian, João Pinho e Welthon.

Pelas bancadas do estádio espinhense, que há muito venceu o prazo de validade, passou na primeira parte Sérgio Conceição, um espetador atento à atuação do filho mais velho, com o mesmo nome e apelido, contratado esta temporada ao Oliveira do Bairro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.