"É um orgulho muito grande vir treinar o Vitória. Identifico-me com os vitorianos porque, tal como eu, são pessoas humildes. Quero fazê-los felizes e para isso temos de ganhar", disse esta tarde Paulo Sérgio, na sua apresentação como o novo treinador do V. Guimarães.

Depois de ter assumido na segunda-feira a ambição de chegar ao clube minhoto, a direcção vitoriana rapidamente chegou a acordo com os responsáveis do Paços de Ferreira. Contudo, a ambição que reina agora em Guimarães não acarreta nenhuma exigência. "O clube não colocou qualquer meta", afirmou Paulo Sérgio, para logo de seguida elevar a sua fasquia: "O objectivo passa pela qualificação da equipa para as competições europeias."

Por outro lado, o presidente do V. Guimarães defendeu que Paulo Sérgio esteve sempre no topo da lista de ´nomes possíveis para comandar os vitorianos. "Este foi sempre o treinador que defendemos ser o melhor para o Vitória de Guimarães. Foi a primeira escolha depois da desvinculação de Nelo Vingada", reiterou o líder minhoto, para desvalorizar a duração de apenas um ano de contrato: "Espero que esta seja uma época de sucesso. Apesar de ter assinado contrato até ao final da época, espero que fique por muitos mais anos."

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.