O treinador do Marítimo, Pedro Martins, mostrou-se hoje convencido de que a sua equipa vai conseguir a primeira vitória no campeonato no domingo, quando visitar o Rio Ave, na sétima jornada da Liga portuguesa de futebol.

O técnico que substituiu o holandês Mitchell van der Gaag no comando dos ‘verde-rubros’ pediu algum tempo e paciência para que os resultados do seu trabalho comecem a ser visíveis, mas afirma que a vitória em Vila do Conde vai tornar o Marítimo mais temível para os adversários.

“Estou convencido de que a primeira vitória vai acontecer no domingo e a equipa vai começar a ser mais temida pelos adversários do que é actualmente”, afirmou Pedro Martins na conferência de imprensa que serviu para projectar a partida com os vila-condenses.

“O nosso campeonato tem 30 jornadas. Sabemos que temos um jogo importante, não fugimos às responsabilidades, mas há um caminho a percorrer. Vamos a Vila do Conde com o intuito de ganhar, porque estamos preparados para isso e a equipa está a trabalhar com motivação”, explicou o técnico da equipa madeirense que reconheceu mérito ao adversário.

Reconhecendo que “é um jogo difícil, porque o Rio Ave tem uma boa equipa, muito experiente” e que “vai ser complicado”, o treinador maritimista assegurou que a equipa vai “trabalhar para vencer”, reconhecendo a existência de alguma pressão, depois de ter tomado as rédeas do conjunto insular.

“Desde que assumi o comando da equipa que sinto alguma pressão, mas é preciso dar tempo para que o trabalho dê frutos.

Acredito que, ganhando em Vila do Conde, a equipa terá outro rendimento e vai partir para um campeonato melhor do que aquilo que está a apresentar. Os jogadores têm assimilado bem os meus processos, mas não é fácil, porque estavam rotinados para um determinado modelo”, observou.

Pedro Martins está convencido de que, a partir da próxima semana, “todos os jogadores estarão em condições de trabalhar normalmente”.

“Todos eles são necessários e quero-os todos com o mesmo rendimento. A equipa só começa a crescer quanto todos os componentes do grupo estiverem ao mesmo nível”, observou, recusando refugiar-se no trabalho dos árbitros para justificar os insucessos. “Não penso nas arbitragens. Existem erros, mas são normais”, sublinhou.

Marítimo e Rio Ave defrontam-se no domingo, às 16h00, em Vila do Conde, em jogo da sétima jornada da Liga portuguesa de futebol que será arbitrado pelo setubalense João Ferreira.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.