O treinador do Tondela disse hoje que a receção ao Desportivo de Chaves, no domingo, é um “jogo de ‘mata-mata’”, da 34.ª jornada da I Liga de futebol, que relegará um dos clubes para a divisão secundária.

“É um jogo de ‘mata-mata’, é uma final mesmo, se calhar é um tipo de jogos que poucos poderão viver. Já passámos por isto duas vezes, mas a depender de terceiros e desta vez não dependemos de ninguém, só de nós”, observou Pepa.

Em conferência de imprensa de antevisão do jogo de domingo, às 17:30, no Estádio João Cardoso, em Tondela, o treinador ‘auriverde’ reforçou sempre que “o único resultado” e o “foco de toda a equipa, jogadores e técnicos é a vitória”.

“Encaramos com muita ambição, com muita responsabilidade e, acima de tudo, com os olhos postos só num resultado: a vitória. (...) Vamo-nos agarrar a uma coisa só: ao Tondela e com a ajuda do público, com a nossa crença, com a nossa ambição e acima de tudo com muita alma vamos conseguir ficar na primeira divisão”, defendeu.

Em quatro épocas na I Liga de futebol, é a terceira vez que o Tondela decide a permanência na última jornada e, nesse sentido, Pepa aproveitou o ditado popular segundo o qual “não há duas sem três” para reforçar o desejo de vitória, sabendo que, à partida, o Chaves também vai jogar para ganhar, apesar de só precisar do empate para permanecer no principal campeonato.

“Não acredito que o Chaves venha jogar para o empate, por tudo, pelo clube que é, pelos jogadores que tem, pelo treinador que tem, não acredito e há um velho ditado: quem joga para não perder ou joga para empatar acaba por perder mesmo”, disse.

Para conseguir a almejada vitória, o técnico assumiu que o Tondela tem de “estar no melhor em termos mentais, em termos estratégicos, em termos táticos” e “sem ‘tremedeira’, ou seja, a saber lutar e saber jogar bem com essa ansiedade que vai se apoderar e que é normal”.

“Cada um terá de acreditar no colega, terá de olhar para o lado e acreditar que ele vai dar a vida por mim e que eu vou dar a vida por ele e que vamos dar a vida pelo clube, pela cidade e pela região”, disse.

O Tondela, com 32 pontos, está em 16.º lugar, o primeiro em zona de despromoção, e recebe no domingo, a partir das 17:30, o Desportivo de Chaves, que tem os mesmos pontos, no 15.º posto, já acima da ‘zona vermelha’.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.