Hulk, ex-jogador do FC Porto e atualmente ao serviço do Zenit, lembrou o título conquistado pelos Dragões há dois anos no Estádio da Luz.
«Vencer um título já é bom, mas quando se vence na casa do seu maior rival então é ainda mais doce. Parece mel!», comentou o avançado brasileiro. «Para mim foi muito bom ser campeão no Estádio da Luz e invicto, algo que entrou para a história do clube. Além de ter sido muito importante para nós, doeu muito aos benfiquistas. Espero que, agora, o FC Porto não facilite para não ficar com a dor que o Benfica sentiu há dois anos», disse o avançado brasileiro ao site da UEFA.
Hulk recordou o desafio da época 2011/2012, que terminou com a vitória dos Dragões e consequente título de campeão nacional, que foi celebrado com muita água e às escuras.
«Ver um rival comemorar um título na sua casa deixou-os magoados. Tentaram estragar um pouco a festa, mas, mesmo no escuro e debaixo de água, conseguimos comemorar. E muito», confessou.
Para o jogo desta noite, onde o título de campeão pode ficar já decidido esta noite em caso de vitória do Benfica.
«Vai ser um jogo muito especial, pela expetativa criada em volta da luta pelo título. No último jogo, o Benfica empatou, o FC Porto conseguiu encostar e tudo vai ser decidido no clássico. Acredito que quem vencer vai ser campeão e eu aposto no FC Porto que, em jogos decisivos, nunca facilita», garantiu.
«Jogar no Dragão, com o apoio dos adeptos vai ser fundamental e tenho a certeza que os meus ex-companheiros vão ganhar», acrescentou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.