Quim Machado (treinador do Feirense):

«Era importante ganhar e por isso ficamos com um sabor amargo por perdermos dois pontos. Merecíamos a vitória. Ao fim de sete jornadas, o balanço é positivo, tendo em conta as equipas que defrontamos, como o Benfica e o FC Porto, e até a própria Académica. O regresso ao Estádio Marcolino de Castro não significa que o Feirense vá jogar melhor ou pior. Isso nunca foi argumento.»

Pedro Martins (treinador do Marítimo):

«O calor afectou o rendimento das duas equipas, mas, mesmo assim, com as retificações que fizemos ao intervalo, estivemos sempre mais perto de vencer, mas o empate acaba por ser justo. Saí desta casa há 18 anos e obviamente que este jogo foi especial. Não escondo que gostaria de ter vencido.»

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.