A Roma está a exigir seis milhões de euros pelo passe de Daniele Verde, extremo de 21 anos que na última temporada jogou no Hellas Verona, por empréstimo do emblema romano.

De acordo com o jornal O Jogo, o empresário do jogador italiano está no Porto e conta com a vontade do extremo para baixar o preço, sabendo que os 'dragões' não pagarão tanto por Verde.

"Estou no Porto, mas não posso dizer mais nada. Estamos a trabalhar no negócio, mas é complicado", referiu Luigi di Lauro, citado pela mesma publicação.

Os planos do FC Porto para o jogador passam por uma valorização a longo prazo, daí a recusa em pagar os seis milhões de euros exigidos pela Roma. Até porque o extremo preferido da SAD portista continua a ser Róger Guedes.

Os 'giallorossi', por sua vez, informaram o empresário de Verde que se ninguém pagar o valor pretendido, então o extremo fica no plantel principal.

No Hellas Verona, Verde somou 33 partidas e apontou quatro golos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.