Rúben Amorim antecipou, esta quarta-feira, a partida frente ao Tondela a contar para a 27.ª jornada da I Liga.

O técnico sublinhou que espera "uma equipa organizada e a jogar com muita qualidade fora de casa."

"Espero uma equipa organizada. Jogam com muita qualidade fora de casa porque jogam muito baixo à espera do erro do adversário. Foi isso que treinámos durante a semana. Sabemos que têm jogadores rápidos e um avançado muito alto. Estamos preparados", disse.

Rúben Amorim abordou ainda as lesões de Vietto e Acuña

"São dois jogadores experientes que nos ajudam a compensar a nossa juventude. Temos tido esse azar. Temos é de seguir em frente. Os outros vão ter oportunidade como tenho vindo a dizer. (...) Se já temos falta de experiência, a ausência desses jogadores torna tudo mais complicado. Independentemente da idade todos estão preparados."

Como é que avalia a aposta dos clubes portugueses na formação?

"Não posso falar por outro clube. Quando me contactaram para vir para cá, o objetivo era ganhar jogos e lançar jovens no Sporting. A pandemia acelerou esta situação, sabendo que temos que ganhar jogos. O Sporting exige resultados e aposta do clube é na formação."

Que jogador não está preparado para perder?

"Estamos preparados para tudo, estamos a preparar o futuro tendo em conta que poderemos perder um ou outro."

Esperava igualar o Braga no terceiro lugar?

"Esperava era ver alguma ideia no nosso jogo, esperava era vencer os nossos jogos. Quando chegámos aqui estávamos numa fase tão inicial que não olhámos para os adversários. Queríamos era vencer os nossos jogos e mostrámos alguma coisa. Daqui para a frente não sei o que vai acontecer. (...) Todas as equipas vão ter jogos muito divididos."

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.