A arbitragem dominou a conferência de imprensa de Rui Vitória que deveria servir para fazer a antevisão do jogo com o Feirense. Os jornalistas presentes na sala de imprensa do estádio da Luz insistiram muito no tema mas o técnico ´encarnadao` conseguiu sempre fintar a questão. Rui Vitória pede para não tocar mais no tema.

"Só vou falar das arbitragens porque vocês me estão a perguntar. Num pré-match não devemos estar a falar de arbitragens, que são temas para deixar de parte. Agora, quem mandou as pedras que não esconda as mãos. Falo de arbitragens agora porque raramente falei há uns tempos atrás. Uma das grandes questões que temos que resolver é falar só quando achamos necessário e não em todas as conferências. Não faz sentido nenhum. Atentos, exigentes, mas deixaremos isto de parte. As pessoas sabem o que estão a fazer, toda a gente sabe a responsabilidade que tem", avisou.

Perante a insistência dos jornalistas, o técnico lembrou o que tinha dito há uns meses sobre a importância das mensagens dos clubes para o exterior.

"Já falei sobre isso e não me quero repetir. Acrescento apenas uma coisa: percebem agora porque é que, aqui há um tempo, falei da importância da mensagem de um clube para o exterior? Da minha parte, não quero entrar mais sobre esse assunto para não dar mais ênfase ao assunto", atirou.

VÍDEO: Vitória: "Arbitragens? Quem mandou as pedras que não esconda as mãos agora"



Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.