O médio Leandro Salino disse hoje que, apesar do momento menos positivo da equipa de futebol, o Sporting de Braga vai lutar pelos primeiros lugares da Liga de futebol até ao final.

A equipa minhota registou domingo a segunda derrota da época, no reduto da União de Leiria (0-1), para o campeonato, depois de, na quinta-feira passada, ter perdido em casa face aos belgas do Club Brugge (1-2), para a Liga Europa.

O último desaire implicou que o Sporting de Braga tivesse descolado do primeiro lugar que ocupava em igualdade com FC Porto e Benfica, tendo agora a companhia de Marítimo e Sporting na terceira posição, todos com 14 pontos.

Mas, o momento menos positivo não altera a ambição dos jogadores da equipa bracarense, tendo Salino defendido que «o Braga sempre lutou pelos primeiros lugares e este ano não vai ser diferente».

«Até final do campeonato, vamos lutar pelos primeiros lugares», garantiu.

O médio brasileiro considera que «não é normal o Braga ter duas derrotas consecutivas, mas já é passado e não há volta a dar». «Serve de lição, para voltarmos a ter o Braga forte que todos conhecemos e que tem muitos jogadores de qualidade. Vamos aproveitar esta paragem para superar este momento, recuperar alguns jogadores importantes e dar ritmo aos que não têm jogado tanto», afirmou.

Salino considera, pois, que a paragem vem em boa altura para «trabalhar forte» e regressar em alta «quando a competição voltar».

Lamentou os erros de «desconcentração» diante do Brugge, porque «o jogo estava controlado», e na derrota com os leirienses, apesar de «não servir como desculpa», apontou o excessivo calor «e o relvado em péssimas condições» como atenuantes.

«Temos que voltar às vitórias», concluiu, desejando que tal aconteça já na Taça de Portugal, para em que, a 15 de outubro, a equipa se desloca a Sinta para defrontar o 1º de Dezembro, da zona sul da II divisão.

A equipa comandada por Leonardo Jardim realiza um jogo particular sexta-feira, às 10h30, no Estádio Axa, em Braga, diante do Trofense, da Liga de Honra, e que será aberto a adeptos e comunicação social.

Nuno Gomes, Elderson e Djamal não vão participar, por estarem a representar as respetivas seleções nacionais.

Na sessão de treino matinal de hoje, Nuno André Coelho, Ukra e Zé Luis também estiveram ausentes, em tratamento, seguindo o plano de recuperação às cirurgias.

Todo o restante grupo esteve às ordens do técnico, sendo que Paulo César dividiu a sessão entre ginásio e relvado.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.