O início do encontro FC Porto-Sporting de Braga ficou marcado por um minuto de silêncio em homenagem às vítimas do acidente de aviação no qual morreram 71 pessoas, entre estas quase toda a equipa de futebol da Chapecoense.

O minuto de silêncio foi transformado em salva de palmas, enquanto passava nos ecrãs do Estádio do Dragão um vídeo da equipa brasileira a festejar no balneário a passagem a final da Taça Sul-americana.

Num momento emocionante, no dia em que se realizou o velório de algumas vítimas do acidente, o 'Dragão', com pouco mais de meia casa, uniu-se na dor com o povo brasileiro.

Os restos mortais de 50 das 71 vítimas do acidente ocorrido a 28 de novembro chegaram hoje de madrugada ao aeroporto de Chapecó (sul do Brasil), onde foram recebidos com honras militares numa breve cerimónia encabeçada pelo presidente, Michel Temer.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.